CITY TOUR LENÇÓIS E CACHOEIRA DO MOSQUITO ⋆ Viagem com Beth

Bahia Chapada Diamantina Destinos Nacionais Nordeste

CITY TOUR LENÇÓIS E CACHOEIRA DO MOSQUITO

11 de setembro de 2020

Lençóis (410 km de Salvador) é um dos municípios mais conhecidos e escolhido pelos turistas para as suas viagens em que desejam ter contato com as diversas cachoeiras e atrações presente na região.

A cidade surgiu com a descoberta de jazidas em suas proximidades, no século XIX, tendo sido fundada em 1844.

O garimpo foi uma atividade muito comum nessa época, onde pessoas de todos os lugares e posições sociais iam buscar as riquezas.

E a cidade acabou sendo considerada a “Capital das Lavras”.

Apesar desse grande progresso, a região, infelizmente, se tornou um dos maiores centros do coronelismo.

Foi marcada também por muita violência, sendo que eram muito comuns os jagunços, que por ordem dos coronéis, oprimiam àqueles que discordassem das decisões dos mesmos.

7 DICAS PARA MULHERES VIAJANTES DE CARRO

CITY TOUR EM LENÇÓIS

O city tour dura pouco mais de duas horas, começando de manhã e se estendendo até o meio dia.

É um roteiro muito interessante que trás uma imersão histórica que vem da arquitetura do lugar.

O tour começa na parte de baixo, onde as lavadeiras lavavam as roupas dos coronéis.

Até hoje ainda dá para encontrar pessoas lavando roupas lá, já que virou uma tradição cultural.

Logo depois passamos pela ponte, e visitamos o centro histórico.

Os belos casarões antigos, o Banco do Brasil, onde antes funcionava o consulado; e os Correios, que costumava ser uma loja pertencente a um francês, onde se vendia perfumes e outros importados de Paris.

Além disso, tem a Igreja do Senhor dos Passos, que é o protetor dos garimpeiros, a Igreja de Nossa Senhora do Rosários; e a praça onde fica o coreto, que existe até hoje.

Tem também Casa do Patrimônio de Lençóis, que estava em reforma, onde acontece apresentações, e tem artesanatos locais para venda.

A casa do médico e escritor Afrânio Peixoto, nascido em 1876 na cidade de Lençóis, permanece aberta para visitação na cidade, porém no dia em que eu fui estava fechada.

Ainda no centro da cidade, tem os restaurantes, que funcionam em casarões antigos, além da rua do amor, onde funcionavam as casas de prostituição.

E também a rua da baderna, que leva esse nome pois era considerada a rua dos políticos, e não no sentido de bagunça.

Hoje a rua é bastante movimentada a noite, tendo vários bistrôs, bares e restaurantes.

10 DICAS DE TRILHA PARA INICIANTES

CACHOEIRA DO MOSQUITO

Logo após o city tour, nós fomos para a Cachoeira do Mosquito.

Como eu comentei no post da Serra das Paridas, geralmente o roteiro é feito primeiro Serra das Paridas e depois Cachoeira do Mosquito.

Chegamos lá por volta das 13h e paramos para almoçar no restaurante, que fica antes da cachoeira. Recomendo!

Desde a área no lado de fora, até o restaurante e antes de chegar na trilha para a cachoeira, cachorros são aceitos, porém depois não, já que é uma área de preservação.

Então ficamos naquele espaço por algum tempo, enquanto decidíamos se iríamos descer ou não.

A Cachoeira do Mosquito é um destino muito procurado pelos turistas.

Seria bastante interessante se eles tivessem uma área pet friendly, com um cercado onde os pets pudessem ficar e com alguém para olhar, deixaria o lugar ainda mais abrangente para os turistas.

Eu até cheguei a conversar com eles e sugerir isso.

Aliás, se você é dono de pet, ou tem um estabelecimento, pode se interessar por esse post aqui embaixo, que dá algumas dicas sobre pet friendly, tanto para os tutores quanto para quem quer aderir ao movimento.

PET FRIENDLY – TUDO QUE VOCÊ PRECISA SABER

Como a única opção era deixar a Nina Dog em um quarto, já que o roteiro não permite que circulem nenhum animal doméstico, achei melhor não ir.

Nos permitiram que nós fossemos até o mirante da cachoeira apenas para fazer uma foto.

Não é permitido pets na cachoeira, apenas fomos até o mirante para um registro

Eu já tinha visitado essa cachoeira há cerca de 5 atrás, e resolvi voltar para fazer novas fotos e um roteiro aqui para o blog.

São aproximadamente 2h30 a 3h de roteiro completo, incluindo a caminhada até lá, tomar banho e apreciar a vista.

Paga-se uma taxa de entrada de R$ 15.

A cachoeira é muito bonita e muito procurada pelos turistas.

Na região, junto com o Morro do Pai Inácio, é um dos pontos turísticos mais visitados.

____________________________________________________________________

CONTATOS

Guia Pedro Paulo | (75) 99716-1005

@pedropauloguia

Pousada Suítes | whatsapp (71) 99999-55158 ou (71) 98665-3641| Instagram

____________________________________________________________________

NOS SIGA NO INSTAGRAM:BETH CRISKO |NINA DOG

Por: Beth Crisko

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *