O QUE VOCÊ PRECISA SABER SOBRE A ILHA DO CAMPECHE / FLORIANÓPOLIS SC ⋆ Viagem com Beth

Destinos Santa Catarina

O QUE VOCÊ PRECISA SABER SOBRE A ILHA DO CAMPECHE / FLORIANÓPOLIS SC

30 de junho de 2018

Dessa vez, a continuação da minha visita a Florianópolis foi para a Ilha do Campeche, que compete com Lagoinha do Leste pelo título de “Melhor praia de Florianópolis”. Está localizada a 1,6 Km da Praia do Campeche, na costa leste da Ilha de Santa Catarina.

A ilha possui uma única praia, a Praia da Enseada, com poucas ondas, ideal para passeio em família e mergulhos. E para os que adoram caminhar, existe uma trilha para se fazer dentro da ilha, explorando os morros revestidos de Mata Atlântica. Além de contar com fascinantes inscrições rupestres para melhorar ainda mais a viagem!

Para conservar o patrimônio arqueológico e paisagístico nacional, a ilha tem uma quantidade limite de 800 visitantes por dia. Por isso, em época de temporada, chegue cedo para não ficar de fora. Campeche conta com um único restaurante que só funciona no verão, por tanto, fora de temporada, trate de levar lanche e muita água para não passar por dificuldades!

Como chegar

Um amigo me levou até local de embarque que optei pela Praia de Armação. Tem ônibus e paradas bem próximos ao local. Como tem limites por vez e horários restritos, melhor pegar um taxi ou carona.

A única maneira de chegar a ilha é por embarcações, que saem por três pontos diferentes: pela Praia do Campeche, Barra da Lagoa e Praia da Armação do Pântano do Sul. Cada saída precisa de um tipo de embarcação diferente para chegar a ilha e por isso, preços de cada saída são diferentes. A mais barata é pela Praia da Armação, por onde fui com o preço de R$ 60,00. Esses valores variam de acordo com a época do ano.

Fora de temporada, os barcos só funcionam somente aos sábados, e dependem da maré e vento, e só saem com uma quantidade mínima de 6 pessoas.

Trilha

 

Para fazer a trilha, é cobrado um valor entre R$ 10,00 e R$25,00 para preservação da própria ilha. Existem duas opções de trilha, a curta que leva em torno de 1 hora e a extensa que dura 2 horas e meia. A extensa precisa de agendamento, ao chegar, corra para fazer sua reserva, pois tem limites por horário.

Por conta de todo o patrimônio, a trilha só pode ser feita com um guia credenciado pelo IPHAN (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional), que além de trazer segurança, vai contar sobre a história, fauna e flora da ilha. Então, pode contar com uma trilha cheio de conhecimento e experiência.

Durante o passeio, observam-se monumentos rochosos, sítios arqueológicos, costões, e se tiver sorte, animais aparecem para encantar nosso passei. Mas, cuidado! A Ilha abriga animais com risco de extinção, por tanto, não pode alimentá-los se encontrar.

Mergulho

O mergulho custa cerca de R$ 40,00 e já vem com o equipamento todo pago. A coloração azul turquesa da água, da espaço ao mergulho e liberdade para ver os animais marinhos da ilha. Porém, apesar de ser uma ótima opção de passeio, fora de temporada e dependendo da maré ele não acontece, então dessa vez não fiz o mergulho.

PRESERVE A NATUREZA, RECOLHA SEMPRE SEU LIXO!

Por: Beth Crisko

Um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *